A camiseta mais legal de todos os tempos

O Think Geek é um site americano (lógico) que vende produtos para nerds de todos os tipos – sejam óculos com MP3, canetas com câmera ou pen drives menores que o pau do japa que o fabricou muito pequenos.

Mas o melhor mesmo são as camisetas. Eu nunca imaginei que conciliar poesia, hexadecimal e um meme de um jogo mal-traduzido do fim dos anos 80 pudesse resultar em uma coisa tão bela.

AYBABTU T-Shirt

EPIC WIN

[ via Think Geek ]

Voltei!

Não entre em pânico : Eu voltei!

Eu sei que talvez não tenha necessariamente ido , afinal, pra falar bem a verdade, esse blog aqui nunca existiu muito, no sentido literal da palavra (chuif, chuif)  – mas, enfim, é isso aí. Vou tentar incluir o blog na minha rotina, achar coisas interessantes e, em geral, manter o negócio atualizado.

Vida longa e próspera, e lembre-se:

All your base are belong to us

Online? Nem tanto

A web 2.0 está aí. Estamos todos conectados, nos comunicando, ideias compartilhadas, democracia, liberdade, comunismo e Whiskas Sachê. Mas uma coisa que vem me enchendo é essa história de levar tudo para a nuvem – incluindo os programas. Em princípio, a ideia parece muito boa, tudo é portátil, etc, e pode funcionar muito bem – para usuários comuns. Baixar filmes, séries, músicas, postar fotenhas no Orkut, entrar no MSN… Tudo isso funciona às mil maravilhas. Agora vai editar um filme. Gravar uma música. Criar um programa. Quem faz esse tipo de coisa sabe que trabalhar online seria um pesadelo. A banda ia ser mais apertada que o Faustão de baby doll. Não rola (se bem que no caso do Faustão…). Assim, dadas as CNTP, vamos continuar precisando de computadores potentes, HDs grandes e pesados e softwares complicados. Ou não?

Dica do Dia : Teclado Virtual

Muitas vezes, é necessário acessar páginas com informações sensíveis, como sua conta de e-mail, em PCs públicos. E, sempre que isso acontece, fica o medo de ter sua senha gravada na estação local, “roubada” por um vírus, ou por um dos KeyLoggers da vida.

Uma dica simples, mas que pode ser muito útil, é usar um teclado virtual, que funciona na tela, por cliques do mouse. Comum em sites de bancos, por exemplo, existe nativamente em todos os maiores sistemas operacionais.

No Windows, é só abrir Iniciar >> Executar e digitar osk.

Clique para ampliarosk3

Pronto! 🙂

Mas é claro, nada que não substitua um bom antivírus nem nada do gênero.

Introdução – Passado, Presente e Futuro

É difícil dizer quando começou a história dos computadores. Mas existem datas que marcam o que, para mim, são verdadeiras revoluções.

Macintosh (foto), responsável pela grande popularização dos computadores e um dos primeiros a usar uma interface gráfica (GUI), surgiu em 1984.

A Internet, como a conhecemos hoje, surgiu em 1991.

O “Todo-Poderoso” Google completou seu décimo aniversário em 2008.

Atualmente, cerca de 16% da população mundial tem acesso à rede. São mais de um bilhão de pessoas. É quase igual ao número de pessoas passando fome/subnutridas.

O número de usuários do Facebook já ultrapassou a população do Brasil – 200 milhões.

A Apple já vendeu mais de 100 milhões de iPods, mais de 17 milhões de iPhones e a App Store, no momento deste post, está perto de um bilhão de downloads.

Os números assustam. Cada vez mais usuários, e usuários cada vez mais ativos. A Internet ja é, e cada vez mais se tornará, a grande fonte de informações e meio de comunicação de toda a humanidade. Dados são instantâneos. Não se precisa mais decorar ou anotar nada – a rede está aí para isso. Cada vez mais onipresente, mais onipotente, complementando a nossa experiência e nossa percepção da realidade.

 

 

Discutam!

Para ver (tudo legendado em português): 

-Web 2.0

-Prometeus : The Media Revolution

-Did you Know?

Publicado em Uncategorized. Tags: , . 1 Comment »